Reino do ser

Numa terra assolada por conflitos a esperança parecia ser algo cada vez mais raro a cada dia que passava. Muito preocupados os três principais reinos do ser foram convocados a fazer a próxima conferência, em cinco anos, para dar conta do assunto.
Faziam-se presentes à mesa o reino da tristeza, da felicidade e o do ego.
Todos concordavam que algo tinha de ser feito para a manutenção do ser. O assunto era complicado e a pauta extensa, mas o ego com a sua pró-atividade tomou a palavra:

-Não quero parecer intrujão, mas vocês devem me deixar trabalhar. Confiem em mim. Eu dou conta do recado.

A felicidade riu e questionou os fracos argumentos do ego que podia se agigantar de uma tal forma que não perceberia o que podia haver em volta.
A tristeza retrucou:

- Vocês estão cegos. As maiores criações artísticas já feitas pelo homem foram concebidas em momentos de tristeza profunda. Perguntem para músicos, poetas, pintores ou a qualquer ser apaixonado.

O ego se impõe e levanta a voz se exaltando e dizendo:

-Você esta louco!
-Não meu amigo o reino da loucura não veio hoje.
-A tristeza não sabe o que esta dizendo. Ela mesma gera como condição primordial para a sua existência atos extremos que levam o ser a ter mudanças bruscas de atitude.

Nesse ponto chegam os capitães da Dialética e da Retórica de cada reino fazendo o embate se acirrar, pois davam conselhos a cada um de seus representantes.

Felicidade: Sou eu quem lhe da os melhores momentos da vida, sou simpático e faço com que ele consiga beber e se dar bem com aquelas poucas mulheres...

Ego: Com aquelas e não com a única que ele queria. Você não tem capacidade de argumento...

Tristeza: E é por vocês não chegarem a um consenso que ele continua assim e eu tenho estado mais em evidência. Nem sabem se ela acreditou realmente nesse amor tolo...

Felicidade: Você...
Tristeza: É um...
Ego: Idiota!

Ok chega! Disse o ser para dar um ponto final no assunto.
Proponho um revezamento entre os reinos até chegarmos a um consenso e então nos reunimos de novo para ver no que vai dar.

Felicidade: Beleza.
Tristeza: Vou tentar.
Ego: Vai ser moleza.

Então o ser deu por encerrada a reunião até o próximo semestre apelidando aqueles próximos seis meses de revezamento entre os reinos de BIPOLARIDADE.

2 comentários:

Tamyris Torres | 30 de novembro de 2009 07:28

sabe o que isso tá parecendo?

Felicidade: (rindo a toa) não leio Paulo Coelho

Ego: eu sou bom porque leio Paulo Coelho

Tristeza: que merda! Eu posso não ler Paulo Coelho, mas escrevo como ele...

rs...Desculpe meu amigo, eu sei o quanto vc odeia Paulo Coelho e por mais que eu insista que ele é bom vc nunca bai acreditar em mim, certo?!

rsrs Esse texto parece que saiu de um best-seller dele para variar...

beijos :)

p.s: e nem por isso o texto está ruim. Eu o achei ótimo!

Allison...French ! | 1 de dezembro de 2009 03:18

adorei este post ! parabéns !