Colaboradora

E a banda continuava a tocar
Na minha frente aquele rosto impaciente
Que eu aprendi a reconhecer
E que preferiu me deixar esmorecer

Vamos nos divertir
Dançar e sorrir
Sobre noite e lua
Grama e rua
Lavrada ou arcada
Amada ou ignorada

O espaço entre nós
Parece crescer
Como amor que sempre terei por você
Me mate ou me dê um tiro
Me diga a verdade
Me deixe ceder
E repita: Eu não mais você

O cheiro tão característico
Não me traz mais conforto
Apenas a certeza
Daquelas quatro palavras
Como um ponto final sobre a mesa

A velocidade é minha aliada
Com ela desafio o tempo em disparada
Gostei do sabor
Da garota da boate
Mesmo sem nunca ter me visto
Ela me disse mais uma verdade
Você nunca esteve comigo

Como se destrói um ninguém?
Essa você conhece bem!

O espaço entre nós
Parece crescer
Como amor que sempre terei por você
Me mate ou me dê um tiro
Me diga a verdade
Me deixe ceder
E repita: Eu não mais você

0 comentários: